Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
A nova pesquisa do Departamento Municipal de Proteção e Defesa dos Direitos do Consumidor (Procon Fortaleza), divulgada nesta quarta-feira (21), aponta redução de 4,10% nos preços de alimentos e produtos dos supermercados da capital. Em fevereiro (20 e 21/), a soma média de todos os itens era de R$ 412,35, caindo para R$ 395,43 neste último levantamento, realizado nos dias 13 e 14/3. Batata inglesa, cebola e frango estão mais baratos na mesa do fortalezense. O Procon ressalta que os preços podem sofrer variação, a depender de ofertas e encartes promocionais, que devem ser cumpridos pelos supermercados, sob pena de multa.
Quando o comparativo é a soma média dos produtos entre os bairros de Fortaleza, a Regional V concentra os preços mais elevados. Nesta área, estão bairros como Conjunto Ceará, Canindezinho e Maraponga. Já na Regional II, onde ficam bairros como Aldeota, Joaquim Távora e Papicu, o Procon identificou supermercados com a soma média total mais em conta.
 
REGIONAL PREÇO TOTAL MÉDIO
Regional V R$ 437,87
Regional III R$ 437,17
Regional VI R$ 415,78
Regional Centro R$ 414,85
Regional IV R$ 403,55
Regional I R$ 390,49
Regional II R$ 334,74
A diretora do Procon Fortaleza, Cláudia Santos, alerta que produtos armazenados em geladeiras como refrigerantes, águas e sucos não podem sofrer preços diferenciados, exceto quando vendidos em áreas internas dos próprios supermercados que agreguem serviços, a exemplo de padarias e lanchonetes. “É uma prática abusiva cobrar pelo produto gelado, em comparação com o preço do produto em temperatura normal, que fica na prateleira”, esclareceu.
A pesquisa mensal do Procon Fortaleza é dividida entre itens de alimentação, carnes e aves, padaria, refrigerantes, frutas e verduras, higiene pessoal, limpeza doméstica e higiene infantil.
Maiores reduções (março)
PRODUTO FEVEREIRO MARÇO VARIAÇÃO
Batata inglesa         R$ 3,21 R$ 2,60 -19,17%
Cebola         R$ 3,90 R$ 3,25 -16,64%
Frango         R$ 6,71 R$ 5,62 -16,23%
Carne Bovina         R$ 23,33         R$ 19,85         -14,91%
Feijão          R$ 3,61 R$ 3,17 -12,21%
O Procon também realiza o comparativo entre os 10 supermercados pesquisados mensalmente. Confira abaixo a tabela com os menores e maiores preços encontrados, com variações acima de cem por cento.
 
Maiores variações (acima de 100%)
PRODUTO MENOR MAIOR VARIAÇÃO
Alho                 R$6,90 R$26,98 291,01%
Margarina         R$3,49 R$9,98 185,96%
Batata         R$1,68 R$4,29 155,36%
Pimentão                 R$2,38 R$5,98 151,26%
Cenoura         R$1,98 R$4,95 150,00%
Papel Higiênico R$2,59 R$5,98 130,89%
Mamão         R$1,18 R$2,69 127,97%
Laranja pera         R$1,68 R$3,75 123,21%
Tomate         R$3,18 R$6,98 119,50%
Banana Prata         R$2,98 R$6,49 117,79%
Queijo Muss         R$18,48 R$39,90 115,91%
Presunto                 R$9,90 R$20,99 112,02%
Abacaxi         R$2,79 R$5,79 107,53%
Cebola         R$1,99 R$3,99 100,50%
Com informação da A.I
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp