Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

As investigações da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) identificou mais de oito pessoas suspeitos de envolvimento no assassinato de quatro adolescentes no Centro de Semiliberdade Mártir Francisca, no bairro Sapiranga, em Fortaleza, no dia 13 de novembro.

Três pessoas foram capturadas por participação na chacina, entre os envolvidos estão um adolescente de 15 anos e dois homens, um de 18 anos e o outro de 19 anos de idade. Todos os presos foram localizados no bairro Sapiranga, onde fica o centro socioeducativo.

Segundo o delegado Leonardo Barreto, diretor do DHPP, a identificação dos suspeitos foi conseguida por meio de denúncia anônima sobre a localização deles. O delegado explicou, em coletiva de imprensa nessa segunda-feira, 20, que os dois últimos envolvidos capturados atuaram como executores dos jovens.

“a investigação evoluiu de modo que nós já temos mais oito pessoas identificadas e, dentre elas, o que articulou esse massacre”, disse a delegada Évna América, responsável pelo inquérito policial do caso.

O adulto foi indiciado no inquérito da ocorrência e o menor, levado à Delegacia da Criança e do Adolescente (DCA), foi autuado em um ato infracional pelo delito. O nome e a imagem dos presos não foram divulgados para não comprometer o andamento dos trabalhos investigativos.

Com informações do G1 Ceará