Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

A Polícia continua as diligencias para prender os responsáveis pela explosão de um carro-forte, ocorrido na tarde de ontem no limite entre as cidades de Saboeiro e Jucás, no interior do Ceará. Conforme a Polícia Militar, os criminosos usavam armas de grande poder destrutivo, como fuzis e metralhadoras, além de material explosivo.

Conforme um policial, o bando fechou o fluxo de veículo na CE-284, colocando um veículo Onix parado atravessando a pista. O carro-forte colidiu com o automóvel parado e, em seguida, o bando saiu de outros veículos, rendendo os funcionários.

Segundo o policial, os criminosos portavas “dezenas de bananas de dinamite” e explodiram o veículo, após retirar os funcionários do interior do veículo. A Polícia informou que foi ao local e reforçou a segurança nas estradas nas proximidades de onde ocorreu o crime. Esse foi o segundo caso ocorrido naquela região, no dia 27 de dezembro do ano passado, um carro-forte foi explodido no mesmo local, em condições semelhantes. Não há confirmação se a explosão foi cometida pelos mesmos criminosos.