Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

A polícia prendeu um dos suspeitos de participar da chacina que deixou seis pessoas mortas em uma casa de veraneio na Praia do Porto das Dunas, em Aquiraz, Região Metropolitana de Fortaleza. Conforme a Polícia Civil, um homem foi envolvido nos crimes morreu em confronto com policiais.

O suspeito foi preso por força de um mandado de prisão temporária. O outro envolvido, identificado como João Guilherme da Silva Fernandes, conhecido como “Branquinho”, morreu em confronto com policiais civis no último dia 8 de junho, em uma ocorrência na localidade de Tapera, no Aquiraz, quando a Polícia evitou uma nova chacina.

As armas apreendidas na ocorrência da Tapera foram encaminhadas para a Perícia Forense (Pefoce), onde passam por perícia para saber se foram utilizadas nos crimes do Porto das Dunas.

Seis homens foram mortos a tiros durante uma festa em uma casa de veraneio na Rua Búzios, no Porto das Dunas. Um dos mortos foi Davi Saraiva Benigno, que já havia sido preso em uma operação contra tráfico de drogas sintéticas.