Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Centenas de pessoas lotaram o Centro de Ensino e Treinamento em Extensão (Cetrex), no Capuan, nesta terça-feira (2) para a 11ª Pré-Conferência Municipal de Saúde. Promovido pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS), o evento reuniu profissionais de saúde, lideranças políticas e religiosas, população indígena, gestores das escolas, conselhos locais e associações comunitárias. 

“Estamos chegando na reta final. Em cada edição das pré-conferências, vimos o processo crescente de participação ativa da população. Hoje, por exemplo, com quase 150 pessoas, temos status de conferência e isso é fator revigorador na gestão do prefeito Naumi Amorim”, declarou o secretário municipal de saúde Moacir Soares.
 
A atenção básica à saúde indígena foi um dos assuntos pontuados durante o evento. “Esse é um momento importante para que nossa população possa apresentar proposições. É aqui que a gestão precisa entender das necessidades de nossas comunidades. Desejo que possamos sair daqui com propostas firmes e que sejam referendadas pela etapa municipal”, pontuou o vereador Weibe Tapeba.

“Nós temos que tirar o SUS da UTI e para isso precisamos de uma maciça participação da sociedade civil, profissionais de saúde e todos que integram a defesa do sistema”, sintetizou o presidente da Associação das Comunidades Tapeba dos Índios de Caucaia, Dourado Tapeba. 

Para a usuária Cristina Quilombola, a importância de uma conferência é “muito grande, visto que nossos segmentos estão inseridos, ocupando espaços e são de resistência não só para o nosso povo mas para todas as outras comunidades tradicionais. Estamos aqui para lutar e buscar uma saúde de boa qualidade para nosso povo.”

As duas últimas pré-conferências acontecerão nesta quarta-feira (3/4), no Metrópole (Salão Paroquial da Igreja do Sagrado Coração de Jesus, à avenida A, n° 760), e quinta-feira (4/4), no Bom Princípio (na Escola Aluizio Pereira Lima, BR-020 Km 45). Todas as agendas são abertas ao público e têm programação iniciando a partir das 8h30.

Os eventos são preparatórios para a 10ª Conferência Municipal de Saúde, que acontecerá nos dias 10 e 11 de abril, no Convento das Irmãs Cordimarianas.