Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

A empresa belga Jan De Nul é a vencedora da licitação que realizará a dragagem do Porto do Mucuripe, em Fortaleza. A contratação da ordem de serviço de engenharia e dragagem foi assinada, nessa quinta-feira, pelo Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil, após exame da proposta e da documentação necessária pela Comissão Especial de Licitação (CEL), que declarou que a Jan de Nul cumpria todas as exigências e formalidades do edital de licitaç&atild e;o, portanto vencedora do certame.

A soma de todo o investimento previsto para a conclusão da obra chega a R$ 20.484.931,98 – menor que o valor inicial previsto, de R$ 28 milhões. Desta forma, o Porto de Fortaleza, responsável por uma boa parcela do desenvolvimento do Estado do Ceará, estará ampliando sua capacidade operacional, desenvolvendo e gerando um crescimento econômico significativo a todos os segmentos da cadeia produtiva.

A dragagem vair ampliar a capacidade de atuação do novo Terminal de Passageiros. Esperado desde antes a Copa do Mundo, evento para o qual foi planejado pelo governo federal, o equipamento foi concluído, mas não pôde ser efetivamente utilizado porque os cruzeiros que aportam na capital cearense desembarcam longe da estrutura moderna construída para recepcioná-los.

Isso porque o Terminal possui um calado (fundura máxima atingida por navios quando cheios) sem profundidade suficiente para que as embarcações atraquem, o que deve ser solucionado agora com a conclusão da licitação, a partir do aprofundamento do espaço de 11 metros para 13 metros.

O assunto entrou no bate papo político com os jornalista, Luzenor de Oliveira e Beto Almeida na edição desta sexta-feira (22), no Jornal Alerta Geral (Rádio FM 104.3 – Expresso Grande Fortaleza + 22 emissoras no Interior).

Isso e muito mais no player abaixo. Confira!

BATE PAPO 22.12.2017