Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O Governo do Ceará inaugurou, nesta segunda-feira (5), o novo prédio da Escola de Ensino Médio Doutor Gentil Barreira, no bairro Conjunto Ceará, em Fortaleza. É a primeira escola vertical da capital – com dois andares, além de térreo. A estrutura foi reconstruída para acolher melhor os mais de 540 alunos matriculados na instituição.

Na ocasião, o governador Camilo Santana, que foi recebido ao som da banda de fanfarra da escola, disse que cerca de 15 unidades serão implantadas na Capital no modelo vertical.

É uma forma de proporcionar mais qualidade para os alunos. A cada dia vamos avançando cada vez mais, principalmente na participação dos nossos alunos do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Esse é o grande caminho para construirmos uma sociedade melhor”, afirmou. Na última quinta-feira (1º), Camilo Santana anunciou mais 40 novas Escolas de Tempo Integral no Estado.

Também presente na cerimônia de reinauguração, a vice-governadora Izolda Cela ficou emocionada ao ver a alegria dos alunos com a nova estrutura.

Aproveitem a oportunidade, a boa energia e o compromisso dos professores. Façam do projeto de vida de vocês uma realidade. E sejam solidários, pois é dessa forma que a gente tem a condição de construir um mundo melhor”, ensinou a gestora.

De acordo com o titular da Secretaria da Educação, Idilvan Alencar, o projeto da nova escola é pioneiro no Estado.

Você pega uma escola, faz uma demolição para reconstruir. Não foi fácil. É um processo novo; é a primeira escola de Fortaleza inaugurada numa reconstrução”, disse. O secretário afirmou, ainda, que uma nova escola com três pavimentos será implantada no mesmo bairro no próximo mês de março.

O novo prédio apresenta 12 salas de aula, auditório, biblioteca, laboratórios de Informática, Física, Química, Biologia e de Matemática, biblioteca e ginásio poliesportivo. Elevadores, estrutura para atender pessoas com deficiência e sistema de monitoramento também integram a estrutura da unidade.

Rede estadual de educação

Atualmente, a rede estadual é composta de 716 escolas. Na Capital, são 168 unidades de ensino. A rede estadual atende 450 mil alunos, dos quais mais de 110 mil são de Fortaleza. No ano letivo de 2018, haverá o fortalecimento de projetos já implementados para a melhoria da aprendizagem dos alunos do Ensino Médio, como a expansão do tempo integral, ações de incentivo ao Enem e concessões de auxílio financeiro por meio do AvanCE: Programa Bolsa Universitário, por exemplo. Haverá, ainda, ampliação do parque escolar com novas unidades de ensino.

Com informações Governo do Ceará