Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Tramita na Assembleia Legislativa do Ceará um Projeto de Indicação, de autoria do deputado Queiroz Filho (PDT), que dispõe sobre o direito a licença paternidade, com duração de 20 dias, para professores da rede estadual de ensino.

Os vínculos familiares são fundamentais para um desenvolvimento emocional saudável. Nos primeiros dias de vida, todo contato com os pais é essencial. Estando presente, o pai dobra a quantidade de estímulos cerebrais recebidos pela criança, além do apoio nos afazeres domésticos, explica o autor do Projeto de Indicação.

O parlamentar também aponta que o relatório Situação da Paternidade no Mundo destaca que o envolvimento masculino no cuidado familiar é uma questão de saúde.

Na pesquisa que envolveu 11 países, a maioria das mulheres afirmaram que teriam melhor bem-estar físico e ganhos de saúde mental se os pais tirassem pelo menos duas semanas de licença após o nascimento do filho, explica.

A matéria está sob análise da Procuradoria da Assembleia Legislativa e, em seguida, segue para a Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) e demais comissões temáticas.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp