Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Os segurados do INSS devem se atentar ao calendário da prova de vida necessário para manutenção de benefícios. Aqueles que fariam a prova de vida em setembro ou outubro de 2020 e ainda não fizeram a atualização, tem até o dia 30 deste mês para realizar o procedimento.Caso o beneficiário não cumpra a exigência terá sanções que podem chegar à suspensão do benefícios por falta de atualização cadastral.

No Ceará, 1.584.355 beneficiários devem comprovar vida anualmente para continuar recebendo seus vencimentos. Desse número, 232.161 cearenses ainda não realizaram o procedimento obrigatório.

Segundo o INSS, o calendário de prova de vida foi prorrogado até agosto de 2022. Os prazos para 2021 seguem os mesmos. O segurado não é obrigado a esperar até o mês em que o prazo dele acaba, podendo realizar a prova de vida antecipadamente.

Confira o calendário abaixo:

Onde e como fazer a prova de vida?

O segurado deve comparecer presencialmente no banco onde recebe o pagamento. Algumas instituições bancárias oferecem alternativas, como prova de vida pelo caixa eletrônico ou por aplicativos. O beneficiário deve confirmar as opções disponíveis e o horário de funcionamento junto ao banco, pois algumas instituições oferecem horários diferenciados para os beneficiários do INSS.

Os beneficiários que se encontram acamados, hospitalizados ou que sejam maiores de 80 anos com dificuldade de locomoção podem solicitar prova de vida domiciliar. O pedido de agendamento deve ser feito pelo telefone 135 ou pelo aplicativo Meu INSS.

A pessoa que fizer o agendamento deve acompanhar o andamento do pedido pelos canais remotos (Meu INSS ou 135) e ficar atento para entregar, via Meu INSS, a documentação solicitada. A falta da documentação correta e completa pode inviabilizar a prestação do serviço.

Como fazer o agendamento da prova de vida domiciliar pelo Meu INSS:

  • Faça login no Meu INSS
  • Na barra de pesquisa que aparece abaixo do seu nome, escreva prova de vida.
  • Escolha a prova de vida mais adequada à situação da pessoa (dificuldade de locomoção ou maior de 80 anos)
  • Siga as orientações que aparecerão na tela.
    Pra que serve e quem deve fazer a prova de vida?

A prova de vida é um procedimento previsto em lei para evitar fraudes e pagamentos indevidos e acontece uma vez por ano. Devem ser feito por aposentados, pensionistas e pessoas que recebem benefícios assistenciais há mais de um ano

Prova de vida por biometria facial no aplicativo Meu INSS

Para ter acesso ao serviço, é preciso ter a biometria facial já cadastrada nos bancos de dados do TSE e Detran. O próprio sistema do Meu INSS informa o usuário nos casos em que ele não pode realizar a prova de vida pelo aplicativo.

É possível fazer a prova de vida no banco em nome do beneficiário impossibilitado ou acamado?

Sim, desde que o procurador esteja cadastrado no Meu INSS. Se a pessoa já tiver procuração cadastrada há mais de um ano, ela precisará renovar a procuração. Para nomear um procurador, ou renovar uma procuração, basta seguir as orientações que estão no link: www.gov.br/pt-br/servicos/cadastrar-ou-renovar-procuracao.

Caso perca o prazo para a prova de vida o que acontece?

Quem perdeu o prazo da prova de vida terá o benefício suspenso até que o procedimento seja realizado. Para a volta do pagamento, o segurado deve ir à agência na qual recebe o pagamento e realizar a prova de vida. Após isso, o pagamento será liberado na mesma hora. Caso não seja realizado em até seis meses após a suspensão, o benefício é cessado de vez.

Nesse caso, é preciso que o segurado solicite a reativação do benefício pelo Meu INSS, através do link www.gov.br/pt-br/servicos/solicitar-reativacao-de-beneficio. O pedido de reativação será analisado pelo INSS dentro dos prazos legais e, após aprovado, o pagamento pode ser liberado em até 72h. Atualmente, esse serviço leva em média 40 dias para ser concluído. Por isso, o ideal é ficar atento aos prazos para fazer a prova de vida assim que possível.

(*) Com informações da Câmara Municipal de Fortaleza

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp