Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Cerca de 300 feirantes e 250 veículos  que continuavam na Feira da Parangaba começaram a ser removidos pela  Prefeitura de Fortaleza nesta sexta-feira (16). Os comerciantes relataram que não foram informados por escrito e criticaram a ação de remoção.

“É muito veículo, muita gente trabalha aqui. A gente queria um pouco mais de consideração do órgão, da prefeitura. Está impondo uma saída imediata da gente. Por escrito não fomos notificados, apenas verbalmente”, disse Demison Carvalho, presidente da Associação dos Veículos Usados da Feira da Parangaba.

De acordo com Demisson, o novo local escolhido no Bairro Conjunto Ceará não beneficia os feirantes.

“tem algumas situações que não estão terminadas. foi prometido pela prefeitura uma coisa e não foi cumprida”, reclamou.

O coordenador das Regionais de Fortaleza, Renato Lima, esclareceu que, desde agosto do ano passado, o órgão estava em contato com os feirantes e que havia sido definida uma data para a transferência dos veículos para outro ponto da cidade.

“Estamos devolvendo à cidade de Fortaleza um espaço completamente requalificado e revitalizado para que as pessoas de fato possam usar aquele local”, afirmou.

Mudança 

Os 1.100 feirantes cadastrados pela Secretaria Regional IV foram realocados para a Rua Pedro Muniz e os trabalhadores começaram no novo espaço no dia 27 de janeiro.

As intervenções para requalificar e urbanizar o entorno da Lagoa foram iniciadas em agosto de 2018, com um orçamento de aproximadamente R$ 4,3 milhões. As obras abrangem uma área total de 60.757,30 m², divididos em quatro regiões, e devem ser concluídas ainda em setembro deste ano.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp