Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O nível do Rio Coreaú subiu mais de três metros devido às últimas chuvas que caíram na Região Norte. Na cidade de Granja, para evitar alagamentos, a prefeitura municipal autorizou o fechamento de quatro comportas da barragem do rio. Granja teve a maior chuva do Ceará entre terça (2) e quarta-feira (3) com 118,2 mm.

Como medida preventiva de evitar alagamentos, a Defesa Civil municipal colocou sacos de areia na base da barragem. A água do rio já invadiu algumas plantações em fazendas. Pontes e passagens molhadas já estão interditadas. A preocupação da prefeitura é com os moradores que residem próximo ao rio nos bairros Barrocão e Lagoa Grande.

Os altos níveis de precipitação durante essa quadra chuvosa fizeram com que afluentes, barragens e açudes aumentassem consideravelmente a situação das águas naquela parte do estado. O nível do Rio Coreaú alcançou os 3,40 metros, caso ultrapasse os 4 metros, a barragem “Limão Brandão”, que recebe toda essa água irá transbordar. 

Defesa Civil do município não confirmou quantas casas já foram esvaziadas. Muitos moradores estão se encaminhando para casas de familiares ou conhecidos. Para os moradores que não possuem essa alternativa, a prefeitura do município está alugando casas para receber as famílias mais vulneráveis que residem em áreas de risco.

Nós estamos fazendo um monitoramento desde semana passada. O rio já subiu um pouco mas também já desceu. Fica oscilando o tempo todo. Tem horas que vai para 3m, outra para 3,16m, revelou o coordenador da Defesa Civil de Granja, Francisco Aquino.

O responsável também revelou que alguns distritos, como Açude Novo Sítio do Padre, estão em situação de emergência e isolados por conta da chuva. A última grande cheia do Rio Coreaú em Granja ocorreu em 2009, quando a água invadiu residências e alagou ruas e avenidas.