Categorias
Política Estadual

Sarto defende aposentadoria rural e BPC em encontro do ParlaNordeste

O presidente da Assembleia Legislativa do Ceará, deputado José Sarto (PDT), defendeu, nesta sexta-feira (07/06), em Salvador (BA), a revitalização do rio São Francisco e uma proposta de reforma da Previdência que respeite as especificidades da população nordestina. O parlamentar participou do 4º Encontro de Presidentes de Assembleia do Nordeste (ParlaNordeste), que resultou na Carta de Salvador.

O documento reúne pautas comuns aos estados nordestinos. Além de Ceará e Bahia, também participaram do evento e assinaram a carta representantes de Piauí, Paraíba, Maranhão, Sergipe e Alagoas.

Sarto, que é secretário-geral do ParlaNordeste, afirmou que a reforma da Previdência precisa preservar os trabalhadores rurais e manter o Benefício de Prestação Continuada (BPC). Ele espera que essa mobilização sensibilize o Governo Federal, como ocorreu em relação à possibilidade de extinção do BNB. Lembrou que, a partir do movimento iniciado com a Carta de São Luiz, houve sinalização positiva pela manutenção da instituição.

No encontro, ficou definido ainda que a próxima reunião ocorrerá no início de agosto, em Sergipe.

Categorias
Luzenor de Oliveira Destaque1

Deputado Sarto defende aposentadoria rural e BPC durante o encontro do ParlaNordeste

O presidente da Assembleia Legislativa do Ceará, deputado José Sarto (PDT), defendeu nesta sexta-feira (7), em Salvador, a revitalização do rio São Francisco e uma proposta de reforma da Previdência que respeite as especificidades da população nordestina. O parlamentar participou do 4° Encontro de Presidentes das Assembleias do Nordeste, que resultou na Carta de Salvador.

O documento reúne pautas comuns aos estados nordestinos. Além do Ceará e da Bahia, também participaram do evento e assinaram a carta representantes do Piauí, Paraíba, Maranhão, Sergipe e Alagoas.

Sarto, que é secretário-geral do ParlaNordeste, afirmou que a reforma da Previdência precisa preservar os trabalhadores rurais e manter o BPC. Ele espera que essa mobilização sensibilize o Governo Federal, como ocorreu em relação à possibilidade de extinção do BNB. Lembrou que, a partir do movimento iniciado com a Carta de São Luiz, houve sinalização positiva pela manutenção da instituição.

No encontro, ficou definido ainda que a próxima reunião ocorrerá no início de agosto em Sergipe.

Categorias
Política Política Estadual

Frente parlamentar do Nordeste se reúne com presidente do senado em defesa do BNB

No início da tarde desta terça-feira (16), o presidente do senado federal, Davi Alcolumbre, se reuniu com a comitiva de parlamentares nordestinos para ouvir os relatos apresentados na Carta de São Luís, documento elaborado no 3º ParlaNordeste. Entre as pautas de fortalecimento do desenvolvimento do Nordeste, o destaque é para a defesa do Banco do Nordeste do Brasil (BNB), bandeira encabeçada pelo Ceará, através do deputado estadual Danniel Oliveira.

O presidente do senado se comprometeu em levar o assunto aos demais senadores e contribuir com as demandas do Nordeste.

Para representar o Ceará, estiveram presentes os deputados estaduais Danniel Oliveira, Walter Cavalcante e Acrisio Sena e o deputado federal Moses Rodrigues. Participaram também os presidentes das Assembleias Legislativas do Maranhão, Piauí, Sergipe e Bahia.

Categorias
Política Estadual

Audiência pública sobre o BNB é necessária. O governo tem dado um silêncio à questão, analisa Beto Almeida

A reunião que pode decidir o futuro do Banco do Nordeste do Brasil (BNB) está agendada para esta terça-feira (16) e contará com uma frente nordestina, a ParlaNordeste, que reúne parlamentares em defesa do Banco e de outros órgãos, além da presença dos presidentes da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e do Senado Federal, Davi Alcolumbre (DEM-AP).

Beto Almeida destaca a importância dessa audiência pública para esclarecer o que pensa o governo Jair Bolsonaro, através do ministro da Economia, Paulo Guedes, a respeito do papel do BNB, que é a principal instituição de fomento da Região.

“Na realidade, o Governo tem dado um silencio ensurdecedor a todos esses questionamentos e isso é preocupante, porque ao mesmo tempo que sinaliza que não vai privatizar o Banco, ou não vai incorporá-lo ao BNDES, já deu sinais de que quer retirar o Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE) do Banco do Nordeste e pôr sob responsabilidade do BNDES. Isso é, literalmente, matar a força que tem o BNB”, afirma Beto Almeida.

Para Luzenor de Oliveira, é importante a presença dos deputados federais cearenses para dar o sinal de que estão atentos para defender o BNB e destaca que o ministro Paulo Guedes poderia ser mais objetivo sobre o Banco, para descartar de uma vez por todas, ou não, a especulação sobre incorporação ao BNDES.

Você pode conferir as análises de Luzenor de Oliveira e Beto Almeida na íntegra no Jornal Alerta Geral (Expresso FM 104.3 na Capital l+ 26 emissoras no Interior) sobre o tema: