Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O horário de votação nas eleições municipais deste ano deverá ser estendido em pelo menos uma hora, de acordo com o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Luís Roberto Barroso. Além disso, o TSE também cogita recomendar que as primeiras três horas, de 8h às 11h, sejam reservadas para pessoas com mais de 60 anos, consideradas grupo de risco para a Covid-19. A intenção é evitar aglomerações e minimizar os riscos de propagação do coronavírus.

Normalmente, os eleitores podem votar das 8h às 17h. Outra ideia avaliada pelo TSE é ampliar a votação para até as 20h. No entanto, alguns tribunais eleitorais regionais alegam dificuldades para manter as zonas eleitorais em funcionamento por 12 horas.

Biometria

Para diminuir a possibilidade de infecção o TSE já excluiu identificação por biometria nas eleições deste ano. Médicos ouvidos pelo tribunal argumentaram que identificação pela digital poderia trazer riscos, já que a votação com biometria é mais demorada, o que provocaria aglomerações, e o leitor não pode ser higienizado com frequência.

Barroso também garantiu que os mesários vão receber equipamentos de proteção individual como máscara para proteção de boca e nariz e álcool gel. As sessões também devem contar com dispositivos de álcool em gel para os eleitores.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp