Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O Tribunal Regional Eleitoral do Ceará informa que no período de 13 a 21 de novembro suspenderá o cadastramento biométrico dos eleitores em Fortaleza e em mais quatro municípios – Saboeiro, Orós, Monsenhor Tabosa e Iracema – para a redistribuição do eleitorado, dentre outros atos administrativos, a fim de instalar as novas zonas remanejadas do interior para a capital.

O cronograma para a instalação das quatro novas zonas na capital está normatizado no Provimento CRE-CE nº 22/2017, assinado pelo vice-presidente e corregedor regional eleitoral, desembargador Haroldo Correia de Oliveira Máximo.

Pelo cronograma, no dia 10/11, o atendimento nos postos do TRE em Fortaleza, Saboeiro, Orós, Monsenhor Tabosa e Iracema será das 8 às 17 horas. Já no período de 13 a 21 de novembro de 2017, os serviços de alistamento eleitoral, transferência de domicílio e segunda via serão interrompidos para a redistribuição do eleitorado da capital e, no caso das zonas extintas, os dados e processos serão direcionados às zonas que as receberão.

O TRE-CE esclarece ainda que nos demais municípios do Estado o atendimento aos eleitores permanecerá normal neste período de 13 a 21 de novembro, inclusive em Caucaia, segundo maior eleitorado do Ceará, onde o cadastramento biométrico será obrigatório para as próximas eleições.

Retomada do Atendimento

Os postos de atendimento em Fortaleza, Saboeiro, Orós, Monsenhor Tabosa e Iracema funcionarão, de 13 a 21/11, apenas para as seguintes operações: consultas ao cadastro eleitoral, expedição de certidões e emissão de GRU, cabendo ainda ao respectivo Juízo Eleitoral, caso haja solicitação, em situações de urgência, emitir certidão circunstanciada. Dia 22/11 é a previsão para a retomada do atendimento de todos os serviços aos eleitores de Fortaleza e dos demais municípios, com o retorno do cadastramento biométrico.

Com Informações do Tribunal Regional Eleitoral do Ceará