Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

A Polícia encontrou o corpo do advogado Aldrin Helanio Coelho Fonteneles na manhã desta sexta-feira (17) em um sítio na Praia do Iguape, em Aquiraz. Ele estava desaparecido desde a última quarta-feira.

O corpo do advogado de 48 anos foi encontrado dentro de uma cacimba. Conforme a polícia, o homem foi assassinado pelo caseiro do sítio em que morava. O suspeito do crime e a mulher dele foram presos.

O advogado era proprietário de um depósito de materiais de construção e um de pet shop. Amigos desconfiaram porque os estabelecimentos não abriam as portas desde quarta-feira (15) e acionaram a polícia para investigar o desaparecimento.

A Polícia Civil foi ao sítio e fez os primeiros levantamentos. Diante da suspeita da morte, os policiais questionaram e o caseiro acabou confessando o assassinato.

Ele disse que houve uma discussão com o advogado por motivos de ciúmes. Após uma briga entre eles, o suspeito e sua mulher mataram Aldrin Helanio enforcado com uma corda.

Após o assassinato, os criminosos ainda jogaram o corpo dentro do poço que fica próximo à residência da vítima. A dupla ainda foi no depósito do advogado, pegaram areia e sacas de cimento e jogaram por cima do corpo. O Corpo de Bombeiros com ajuda de uma retroescavadeira retiraram o corpo já petrificado com o cimento.

O delegado Renê Andrade disse que o caso está sendo investigado e que os presos foram autuados por homicídio, ocultação de cadáver e fraude processual.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp