Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Numa sequência de mensagens publicadas nesta terça-feira, 10, nas redes sociais, deputado federal José Guimarães (PT) colocou o seu nome à disposição do partido em caso de ruptura da aliança com o PDT.

Para o parlamentar, a sucessão ao governo do Estado deve passar pelo ex-governador do Ceará Camilo Santana e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, líder nas pesquisas de intenção de voto na corrida pelo Palácio do Planalto.

“Todo mundo sabe que ninguém ganha eleição do Ceará sem o aval do Camilo e do Lula. Estamos tranquilos. O meu projeto é de pré-candidato a reeleição, mas estou disponível para o que for preciso”, informou, em sua rede social.

Guimarães defendeu novamente a governadora Izolda Cela (PDT) como o nome ideal da coalização governista e revelou que pretende manter a aliança, mas não a qualquer custo.

“A minha ideia é manter a aliança com o PDT, não a qualquer custo. O caminho é a Izolda Cela como governadora. É o nome que tem todos os predicados, referência e relação de confiança com o Camilo Santana. O que temos conversado internamente é no sentido de buscar um caminho que nos unifique no CE. Ou vamos numa aliança com o PDT nas condições de comando do Camilo, ou vamos numa outra alternativa, que passaria por uma candidatura própria do PT.”

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp