Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Onze deputados do Ceará votaram contra o relatório do deputado Paulo Abi-Ackel (PSDB-MG) que rejeitava a denúncia de corrupção passiva contra o presidente Michel Temer. Nove parlamentares cearenses votaram a favor do relatório e a favor do presidente. Os deputados Adail Carneiro (PP) e Raimundo Gomes de Matos (PSDB) estiveram ausentes da votação.

A maioria dos votos já estava definida, mas até antes da votação, os deputados Moses Rodrigues, do PMDB e José Maria Macedo, do PP, se diziam indecisos, mas acabaram votando a favor de Temer. Já o deputado Adail Carneiro, que não havia respondido a nenhuma pesquisa, não votou.

No final da votação, foram 263 votos contra e 227 a favor da autorização para o Supremo Tribunal Federal (STF) abrir processo criminal contra o presidente da República, Michel Temer, por crime de corrupção passiva, seguindo parecer da Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ), dois deputados se abstiveram. No total, 493 dos 513 deputados votaram o parecer do deputado Paulo Abi-Ackel (PSDB-MG).

Veja o quadro abaixo.

DEPUTADO SIM NÃO ABSTENÇÃO AUSÊNCIA
ADAIL CARNEIRO (PP)  x
ANDRÉ FIGUEIREDO (PDT) x
ANÍBAL GOMES (PMDB)

x

ARIOSTO HOLANDA (PDT)

x

CABO SABINO (PR)

x

CHICO LOPES (PCdoB)

x

DANILO FORTE (PSB)

x

DOMINGOS NETO (PSD)

x

GENECIAS NORONHA (SD)

x

GORETE PEREIRA (PR)

x

JOSÉ AIRTON CIRILO (PT)

x

JOSÉ GUIMARÃES (PT)

x

LEÔNIDAS CRISTINO (PDT)

x

LUIZIANNE LINS (PT)

x

MACEDO (PP)

x

MOSES RODRIGUES (PMDB)

x

ODORICO MONTEIRO (PSB)

x

PAULO HENRIQUE LUSTOSA (PP)

x

RAIMUNDO GOMES DE MATOS (PSDB)

x

RONALDO MARTINS (PRB) x
VAIDON OLIVEIRA (DEM)

x

VITOR VALIM (PMDB)

x

TOTAL

9

12

1

Dentro de instantes mais detalhes!

 

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp