Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Os representantes do Governo do Ceará que estão em missão técnico-científica em Israel participaram, nesta quinta-feira (27) de mesas redondas e debates sobre empreendedorismo e inovação. A agenda foi iniciada com palestra sobre o Centro Bengis para Empreendedorismo e Inovação, ligado à Universidade Ben-Gurion, abordando experiências, novos desafios e perspectivas para lideranças daquele centro de pesquisa.

Em seguida, ocorreu uma mesa redonda de debates, onde tomaram assento representantes de Israel, China e Brasil. Na ocasião, Marcos Holanda, presidente do Banco do Nordeste do Brasil, e Eduardo Gaspar, em nome da Universidade Federal do Ceará, discorreram sobre Desafios e Inovação no Nordeste do Brasil.

Na parte final dos trabalhos desta quinta-feira, acadêmicos de universidades europeias e norte-americanas relataram experiências em inovação e desenvolvimento local, além de abordagens sobre estímulo ao empreendedorismo feminino.

“Debatemos aqui, em resumo, como a inovação e o empreendedorismo são chaves para o desenvolvimento e como os centros universitários estão cada vem mais incorporando esses campos de pesquisa nas suas agendas”, observou o secretário do Planejamento e Gestão do Ceará, Francisco de Queiróz Maia Júnior. O titular da Seplag integra a comitiva em visita Israel, junto com líderes das universidades estaduais cearenses, da UFC, do IFCE, do secretário de Ciência e Tecnologia, Francisco Coelho, além do BNB e da Assembleia Legislativa.

Com informação da A.I