Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE), por meio do Núcleo do Desporto e Defesa do Torcedor (Nudtor), realizará no dia 1º de novembro, às 9h, uma audiência pública para discutir com os diversos atores envolvidos sobre o cumprimento da Portaria 290/2015 do Ministério dos Esportes que trata da setorização nos estádios, além de outros temas correlatos, como violência e bebidas alcoólicas. O evento acontecerá no auditório da Procuradoria Geral de Justiça, que localiza-se à Rua Assunção, nº 1100, bairro José Bonifácio.

Segundo o promotor de Justiça Edvando França, a normativa, atualmente, não é cumprida. Ele ressalta que, por medidas de segurança, os torcedores precisam respeitar a cadeira e setor do ingresso adquirido e os clubes devem regulamentar a entrada dos sócios-torcedores, que não precisam comprar os ingressos, mas devem ter seus lugares marcados antecipadamente, para evitar superlotação. Outro problema apontado pelo representante do MP, é quando as pessoas deixam para entrar no estádio minutos antes do início da partida.

“Para que um jogo ocorra com tranquilidade, todos precisam fazer a sua parte, inclusive os torcedores. Acontece que muitos vão para o jogo e ficam fora do estádio e resolvem entrar todos de uma vez só, acontecendo o ‘efeito manada’ que pode ser perigoso. Às vezes os portões são abertos três horas antes do jogo, mas o deslocamento de uma multidão ao mesmo tempo, gera inúmeros problemas de segurança. Então, queremos discutir com os cidadãos e os órgãos envolvidos, diversos aspectos para diminuir os incidentes durante os jogos”, explica.

Foram convidados a participar, o Batalhão de Eventos, Corpo de Bombeiros, Secretarias Estadual e Municipal de Esportes, Agência de Fiscalização de Fortaleza (Agefis), Polícia Rodoviária Estadual, Assembleia Legislativa, Poder Judiciário, presidentes dos Clubes e torcida organizada do Ceará e Fortaleza, administração da Arena Castelão, Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) e Federação Cearense de Futebol.

 

 

 

 

Com informação do MPCE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp