Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Na contagem regressiva para o encerramento da janela partidária, o PSDB oficializou nesta quarta-feira, 23, o ingresso de mais cinco pré-candidatos para impulsionar o projeto de uma chapa competitiva à Assembleia Legislativa nas eleições de outubro deste ano. O deputado estadual Gordim Araújo (Patriota) e os suplentes Diego Barreto (PTB) – no exercício do mandato – Ferreira Aragão (PDT) e George Lima (PV) tiveram suas fichas abonadas pelo presidente do diretório estadual tucano, Luiz Pontes. Também confirmou entrada no ninho tucano o empresário Vianey Santiago, conhecido popularmente como Vianey do Vale, filho do cantor Toca do Vale.

Entre os nomes que irão compor a chapa do PSDB para deputado estadual constam novidades como o do jornalista Denísio Pinheiro, assessor de imprensa do senador Tasso Jereissati. Juntam-se a esse grupo, nomes considerados de peso eleitoral já filiados ao partido como o vereador Jorge Pinheiro, o suplente de vereador Joaquim Rocha e a secretária de Governo de Caucaia, Emilia Pessoa.

“Essa chapa ainda vai ganhar mais adesões até o prazo limite da janela partidária, 1º de abril. Estamos em busca de reforços e todos os que chegam são aprovados pelo grupo de pré-candidatos. O PSDB se mostra competitivo pela relação recíproca de confiança entre os que chegam com a direção do partido. Aqui, acordos são cumpridos e palavra dada é palavra honrada”, ressaltou Luiz Pontes, em discurso no comitê de imprensa da Assembleia Legislativa.

Pontes ressaltou a atuação do senador Chiquinho Feitosa, candidato a deputado federal e que assume em abril o comando do PSDB, na formatação das chapas proporcionais. “Tenho uma enorme tranquilidade em transferir a presidência do PSDB para Chiquinho Feitosa porque sei que ele vai respeitar a sigla e compreende sua importância para o projeto político sério que sempre defendemos”, ressaltou Luiz Pontes.

Chiquinho, que esteve ausente do evento em decorrência de outras agendas simultâneas, foi representado no Ato de Filiação pelo secretário da Regional 1, Antônio Ney, que reforçou o compromisso de aliança com todos os pré-candidatos. A meta é eleger até quatro deputados estaduais. Em paralelo, também está sendo organizada a formação da chapa para a Câmara Federal.

Comissão Provisória

Luiz Pontes explicou aos novos filiados que, em abril, vai encerrar seu quarto mandato à frente do PSDB, quando então irá convocar o diretório para a instalação da comissão provisória, sob o comando de Chiquinho Feitosa. Caberá ao novo dirigente tucano, renovar os diretórios municipais, com a composição de suas respectivas comissões provisórias.

(*) com informações do PSDB-CE

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp