Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Pequenos proprietários de 109 municípios têm 11 postos de atendimento da Superintendência Estadual do Meio Ambiente (Semace) para fazer o Cadastro Ambiental Rural (CAR). Estão sendo convocados 166.307 proprietários de até quatro módulos rurais. O prazo para fazer o CAR termina em maio. Quem não fornecer as informações ficará impedido de participar dos programas de financiamento e de apoio à agricultura familiar.

O censo realizado pela primeira vez em todo o país é uma exigência do Governo Federal para todos os proprietários rurais. A Semace apoia os pequenos proprietários em bases de atendimento instaladas nas cidades de Tauá, Iguatu, Crateús, Quixeramobim, Crato, Canindé, Beberibe, Itapipoca, Sobral, Brejo Santo e Limoeiro do Norte. Para fazer o CAR, o interessado deve comparecer à base mais próxima com documentos pessoais e da propriedade.

Atendimento
O atendimento é feito de forma rápida, simples e sem o pagamento de taxas. O proprietário fornece as informações ao cadastrador, que envia os dados pela internet. No final, recebe um comprovante que deve ser mantido junto com a documentação da terra. Equipes volantes estão sendo acionadas para fazer o CAR em localidades mais distantes e isoladas.

O que informar
O declarante informa a área do imóvel, a localização e a cobertura do solo (vegetação, plantios, imóveis). Declara também a ocorrência de área consolidada, de servidão administrativa, de áreas de preservação permanente ou de uso restrito e de reserva legal. A base de dados poderá ser consultada pelo Estado, mercado e sociedade para a tomada de decisões.

Saiba mais
O CAR é um projeto do Governo Federal previsto no Código Florestal. No Ceará, é executado pelaSemace, por meio de uma empresa especializada, com o apoio do Fundo Amazônia e BNDES. Quem ainda tem dúvida sobre o CAR também pode comparecer aos postos de atendimento para obter informações.

Com informações da Semace

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp