Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Após diligências para capturar os envolvidos em um tiroteio na madrugada do ultimo domingo (16), durante uma festa na zona rural de Russas, a Polícia Militar do Ceará localizou o terceiro envolvido na ação criminosa, que resultou na morte do soldado Menandro Cavalcante Nunes, do Batalhão de Policiamento de Rondas de Ações Intensivas e Ostensivas (BPRaio). A Polícia Civil procura ainda por mais cinco suspeitos já identificados.

Daniel Amaro da Silva, 21, foi localizado no Bairro Vazantes, em Morada Nova, na noite de ontem (16). Ao notar a presença dos policiais, o criminoso, que estava escondido dentro de uma casa, empreendeu fuga efetuando disparos contra a composição militar que reagiu, atingindo Daniel. O suspeito foi socorrido, mas não resistiu. Um revolver calibre 38 com cinco munições foi apreendido.

Daniel respondia oito inquéritos policiais, entre roubo, furto, posse ilegal de armas e corrupção de menores. O caso está sendo acompanhado pela Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) e pela Delegacia Regional de Russas.

O caso

Oito suspeitos estavam em um festejo quando se aproximaram da mesa onde o policial estava e efetuaram disparos. O policial tentou impedir o crime e houve troca de tiros entre ele e os bandidos. Na ação, o agente de segurança foi lesionado na altura do peito, vindo a óbito no local. Outro policial que estava no local reagiu e foi atingido com um tiro de raspão na cabeça. Dois suspeitos foram mortos e um ferido, sendo socorrido pelos comparsas que fugiram do local. O PM atingido por um tiro de raspão foi levado ao hospital local, recebeu atendimento médico e foi liberado. Uma pessoa que estava na festa foi atingida pelos disparos. A vítima foi socorrida para o hospital, mas não resistiu.

Fonte: SSPDS

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp