Categorias
Geral Destaque2 Destaque3

14 reajustes no preço do diesel em 2019: caminhoneiros protestam e Petrobras responde

Em resposta a pressão feita pelos caminhoneiros com ameaça de um dia de paralisação e eventual ameaça de greve, a Petrobras anunciou, nessa terça-feira (26), mudança na periodicidade dos reajustes do óleo diesel e a criação do ‘cartão caminhoneiro’.

Em 2019, houveram 14 reajustes no preço do diesel para as distribuidoras, segundo dados da Petrobras. O diesel, que era fornecido para a distribuidora pelo preço de R$ 1,854 no começo de 2019, agora está custando R$ 2,143.

O jornalista Beto Almeida afirma que isso trás uma grande instabilidade para os caminhoneiros.

“Ele fecha o frete aqui e um valor quando o diesel tá um preço. Sai do ceará com um valor X, chega no estado do Pará [por exemplo], vai pagar muito mais caro, ai retorna e o preço do diesel já é outro. Se não tiver uma carga de lá pra cá, é prejuízo na certa”, afirma o jornalista.

Então Beto destaca duas inciativas da Petrobras que podem apaziguar a situação com os caminhoneiros: a partir de agora, o preço do combustível não poderá ser reajustado em períodos inferiores a 15 dias. Até então, o valor do litro do diesel poderia variar até diariamente.

Além disso, a estatal anunciou ainda a criação do “Cartão Caminhoneiro”, que permitirá a compra do combustível a preço fixo nos postos com a bandeira BR. O cartão deve entrar no mercado em 90 dias.

Categorias
Política Destaque1 Destaque3

Partidos de oposição podem se beneficiar com narrativa contrária à reforma

Pacote de bondades para abrandar o coração dos deputados novatos, além da liberação de verba integral para os parlamentares que participaram da Lei Orçamentária de 2019 (ocorrida no ano passado) são algumas estratégias usadas pelo governo para conseguir a aprovação da reforma da Previdência. Após o feriadão de Carnaval, os discursos serão mais ávidos e o governo precisará de articulação política para aprovar seus pontos.

A reforma veio dura – mais ainda que a proposta pelo ex-presidente Michel Temer – e pode servir como narrativa política de partidos de oposição, que tem, por obrigação, que questionar os pontos mais polêmicos da proposta. Os jornalistas Luzenor de Oliveira e Beto Almeida, no Bate Papo Político desta quarta-feira (6), alertaram que o governo não terá facilidade e que, com os trâmites para aprovação, alguns pontos serão descartados.

Acompanhe a análise completa no vídeo a seguir:

Categorias
Cidade Destaque2 Destaque3

Período para declarar Imposto de Renda 2019 começa nesta quinta-feira

O período para Declaração de Imposto de Renda 2019 – Ano Base 2018 começa nesta quinta-feira (7). O diretor executivo da Confirp Consultoria Contábil, Richard Domingos, diz que é interessante que as pessoas se preparem com antecedência para declarar, já procurando e separando os documentos necessários.

Quanto mais preparado o contribuinte estiver melhor, já que os primeiros dias são os mais interessantes para o envio e isso por dois motivos: quem entrega o material com antecedência receberá sua restituição antes, além disso, em caso de problemas, o contribuinte terá tempo para resolvê-los, evitando a necessidade de realizar uma declaração retificadora, depois do prazo de entrega, que será 30 de abril“, alerta o diretor.

Para entender melhor, a Confirp detalhou os principais pontos sobre o tema:

Prazo de entrega

O prazo neste ano será menor, indo das 08 horas do dia 07 de março até o último minuto do dia 30 abril. 

Quem é obrigado a entregar

  1. Quem recebeu rendimentos tributáveis, sujeitos ao ajuste na declaração, cuja soma foi superior a R$ 28.559,70;
  2. Quem recebeu Rendimentos isentos, não tributáveis ou tributáveis exclusivamente na fonte, cuja soma foi superior a R$ 40.000,00;
  3. Quem obteve, em qualquer mês, ganho de capital na alienação de bens ou direitos, sujeito à incidência do imposto, ou realizou operações em bolsas de valores, de mercadorias, de futuros e assemelhadas;
  4. Relativamente à atividade rural, quem:
  5. obteve receita bruta em valor superior a R$ 142.798,50;
  6. Pretenda compensar, no ano – calendário de 2017 ou posteriores, prejuízos de anos-calendário anteriores ou do próprio ano-calendário de 2016;
  7. Quem teve, em 31 de dezembro, a posse ou a propriedade de bens ou direitos, inclusive terra nua, de valor total superior a R$ 300.000,00;
  8. Quem passou à condição de residente no Brasil em qualquer mês e nesta condição se encontrava em 31 de dezembro; ou
  9. Quem optou pela isenção do imposto sobre a renda incidente sobre o ganho de capital auferido na venda de imóveis residenciais, cujo produto da venda seja aplicado na aquisição de imóveis residenciais localizados no País, no prazo de 180 (cento e oitenta) dias contados da celebração do contrato de venda, nos termos do art. 39 da Lei nº 11.196, de 21 de novembro de 2005.

Desconto simplificado

Poderá optar pelo desconto simplificado de 20% do valor dos rendimentos tributáveis na Declaração de Ajuste Anual, limitado a R$ 16.754,34 em substituição de todas as deduções admitidas na legislação tributária.

Penalidade pela não entrega   

  1. Multa de 1% ao mês de atraso, calculado sobre o valor do imposto devido na declaração, sendo essa multa limitada a 20%;
  2. Multa mínima de R$ 165,74 (apenas para quem estava “obrigado a declarar”, mesmo sem imposto a pagar).

Como elaborar

  1. Por computador, mediante a utilização do PGD – Programa Gerador da Declaração (PGD) relativo ao exercício de 2019, disponível no site da Receita Federal do Brasil (www.receita.fazenda.gov.br).
  2. Também por computador, mediante acesso ao serviço Meu Imposto de Renda, disponível no Centro Virtual de Atendimento (e-CAC) no site da Receita Federal do Brasil (www.receita.fazenda.gov.br), com uso obrigatório do Certificado Digital (do contribuinte ou representante/procurador)
  3. Por dispositivosmóveis, tablets e smartphones, mediante a utilização do serviço Meu Imposto de Renda

Declaração pré-preenchida que poderá ser baixada do site da Receita Federal do Brasil (www.receita.fazenda.gov.br), por meio de certificado digital (do contribuinte ou representante/procurador)

Despesas Dedutíveis        

  1. Valor anual por Dependente: R$ 2.275,08;
  2. Contribuições para a Previdência Social da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios;
  3. Despesas médicas ou de hospitalização os pagamentos efetuados a médicos de qualquer especialidade, dentistas, psicólogos, fisioterapeutas, terapeutas ocupacionais, fonoaudiólogos, hospitais, e as despesas provenientes de exames laboratoriais, serviços radiológicos, aparelhos ortopédicos e próteses ortopédicas e dentárias;
  4. Previdência Privada [PGBL] cujo limite será de 12% do total dos rendimentos tributáveis no ano;
  5. Importâncias pagas em dinheiro a título de Pensão Alimentícia em face das normas do Direito de Família, quando em cumprimento de decisão judicial ou acordo homologado judicialmente ou por escritura pública, inclusive a prestação de alimentos provisionais;
  6. Despesas escrituradas em Livro Caixa, quando permitidas;
  7. Soma das parcelas isentas vigentes, relativas à Aposentadoria, Pensão, Transferência para a reserva remunerada ou reforma, pagas pela previdência oficial, ou privada, a partir do mês em que o contribuinte completar 65 anos;
  8. Despesas pagas com instrução (educação) do contribuinte, de alimentandos em virtude de decisão judicial e de seus dependentes, até o limite anual individual de R$ 3.561,50;
  9. Despesas com aparelhos ortopédicos e próteses ortopédicas pernas e braços mecânicos, cadeiras de rodas, andadores ortopédicos, palmilhas e calçados ortopédicos, e qualquer outro aparelho ortopédico destinado à correção de desvio de coluna ou defeitos dos membros ou das articulações.
  10. Seguro saúde e planos de assistências médicas, odontológicas.

Quem pode ser dependente

  1. Companheiro(a) com quem o contribuinte tenha filho ou viva há mais de 5 anos, ou cônjuge;
  2. Filho(a) ou enteado(a), até 21 anos de idade, ou, em qualquer idade, quando incapacitado física ou mentalmente para o trabalho;
  3. Filho(a) ou enteado(a), se ainda estiverem cursando estabelecimento de ensino superior ou escola técnica de segundo grau, até 24 anos de idade;
  4. Irmão(â), neto(a) ou bisneto(a), sem arrimo dos pais, de quem o contribuinte detenha a guarda judicial, com idade até 21 anos, ou em qualquer idade, quando incapacitado física ou mentalmente para o trabalho;
  5. Irmão(â), neto(a) ou bisneto(a), sem arrimo dos pais, de quem o contribuinte detenha a guarda judicial, com idade até 24 anos, se ainda estiver cursando estabelecimento de ensino superior ou escola técnica de segundo grau;
  6. Pais, avós e bisavós que, em 2018, tenham recebido rendimentos, tributáveis ou não, até R$ 22.847,76;
  7. Menor pobre até 21 anos que o contribuinte crie e eduque e de quem detenha a guarda judicial;
  8. Pessoa absolutamente incapaz, da qual o contribuinte seja tutor ou curador.
Categorias
Carlos Alberto Alencar Economia Destaque2 Destaque3

Análise: desenvolvimento econômico deve frustar os mais otimistas

Segundo o comentarista de Economia do Jornal Alerta Geral, Carlos Alberto Alencar, o desempenho esperado para a economia neste ano deve frustrar as expectativas mais otimistas. Se no fim de 2018 parte das projeções indicava um crescimento de 3% em 2019, por ora, depois dos últimos indicadores divulgados, está se consolidando a avaliação entre os analistas de que o Produto Interno Bruto (PIB) do país deve avançar apenas 2%.

A safra dos números do fim de 2018 revelou uma perda de ritmo da economia e um desempenho mais fraco da atividade do que o esperado. Essa decepção ocorreu em todos os setores: no varejo, nos serviços e, sobretudo, na indústria. O resultado do mercado de trabalho também foi considerado fraco. No ano passado, a taxa média de desocupação foi de 12,3%, pouco inferior aos 12,7% de 2017.

O comentarista de Economia do Jornal Alerta (Rádio FM 104.3 – Expresso Grande Fortaleza + 26 emissoras no Interior), Carlos Alberto Alencar, faz a análise completa do tema!

Categorias
Geral Destaque2 Destaque3

Estudantes podem baixar gratuitamente o simulador de notas do Sisu

O simulador de notas do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), ferramenta inédita anunciada neste ano pelo Ministério da Educação, poderá ser utilizado em qualquer computador, em qualquer hora e em qualquer lugar pelos estudantes. O MEC disponibilizou para download o simulador para ajudar ainda mais os estudantes a escolher o curso superior desejado. O objetivo da plataforma é fazer comparativo de informações para aperfeiçoar o desempenho dos alunos.

O uso é simples! O estudante precisa acesse a página do Sisu na internet e clique no link “Simule aqui seu desempenho no Sisu”. Depois disso, abrirá outra página onde terá a opção “download”.  Com o simulador instalado, o estudante deve inserir suas notas no Enem e poderá filtrar a comparação por região, turno e cursos. A simulação vale apenas para as modalidades de ampla concorrência ou reservas de vagas da Lei nº 12.711/2012.

Na prática, vai funcionar assim: ao entrar no simulador, com a ferramenta já instalada no computador, o estudante coloca suas notas das disciplinas de ciências da natureza, ciências humanas, linguagem, matemática e redação, de qualquer das edições do Enem que tenha participado.

Depois, marca a alternativa “ampla concorrência” ou “lei de cotas” e, se desejar, usa os filtros disponíveis. Caso deseje uma simulação mais específica, pode ainda selecionar algumas das modalidades de concorrência, a região e a UF (unidade da federação) de sua preferência, além do curso e turno desejados.

O simulador faz um comparativo com todas as edições passadas do Enem, desde 2010 (primeiro semestre), quando o Sisu foi implantado pela primeira vez, até 2018 (segundo semestre), mostrando a menor nota que ingressou em determinada graduação, por universidade e edição do Sisu.

O simulador ajuda o estudante a ter uma noção sobre o que ele precisa melhorar no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) para ser selecionado no curso desejado. A ferramenta será um instrumento de consulta permanente.

As informações são do Ministério da Educação. Acesse a página de download do simulador. 

Categorias
Política Destaque2 Destaque3

Ciro diz que percepção do povo é de ‘esperanças renovadas’

O ex-governador do Ceará e candidato nas eleições presidenciais de 2018, Ciro Gomes, em entrevista ao jornal Folha de São Paulo publicada nesta terça-feira, 1º, afirmou ser “inevitável a percepção de que as esperanças da maioria dos brasileiros se renovaram“.

Sobre a expectativa com o novo Governo, Ciro diz torcer para que as coisas melhorem e acredita que isso possa acontecer, mesmo que “modestamente”. O ex-candidato apontou, ainda, alguns dos graves problemas pelos quais o Brasil passa, como “quase 13 milhões de pessoas desempregadas, 17 milhões de pessoas vivendo de bico na informalidade, 63 milhões de pessoas com nome sujo no SPC“, entre outros problemas citados.

Para Ciro, a resolução desses problemas pelo novo Governo ainda é uma incógnita. O ex-ministro da Fazenda (1994, governo Itamar) e da Integração Nacional (2003-2006, governo Lula) avalia que não há “nenhuma proposta concreta, nenhum diálogo sistemático com a intrincada federação politica do país, e os primeiros escândalos (referência às acusações envolvendo a Família Bolsonaro) já têm o velho tratamento de antanho“.

Foto – Reprodução
Ciro Gomes, em entrevista em seu apartamento em Fortaleza – Jarbas Oliveira – 30/10/18

Frente de Oposição

Durante a campanha eleitoral de 2018, o ex-candidato teceu muitas críticas ao, agora, presidente, Jair Bolsonaro. Em diversos momentos, durante entrevistas e sabatinas, na campanha eleitora, colocou Bolsonaro como incapaz de resolver os problemas do país. Por outro lado, criticou, também, o Partido dos Trabalhadores (PT), mesmo tendo declarado apoio crítico ao candidato do PT, Fernando Haddad, no segundo turno das eleições.

Sobre a perspectiva de liderar a frente de oposição para o novo Governo, Ciro diz que “é preciso evitar o oportunismo rasteiro e demagógico, atrair o governo para o jogo democrático, forçá-lo a atuar dentro da institucionalidade, oferecer alternativas práticas ao equívocos sem negar a complexidade dos problemas.

Categorias
Esporte Deu Zebra

Goleiro Everson fica no Ceará até 2021

Após semana movimentada e incertezas quanto à permanência do goleiro Everson no Ceará, o alvinegro confirmou hoje, 31, que o paredão fica até 2021.

Mais cedo, o Vozão anunciou a renovação do zagueiro Luiz Otávio e a volta do meia Felipe Baxola. Everson é um dos grandes ídolos do torcedor, na atualidade. O goleiro de 28 anos, atuando pelo alvinegro desde 2015, era sondado por grandes clubes do futebol brasileiro, como o Grêmio, mas se garante em Porangabussu para a temporada de 2019.

Com a camisa do Ceará, Everson reconquistou um bicampeonato estadual (2017/2018), um acesso à Série A (2017) e a permanência na primeirona. Pelo Vovô, Everson tem 196 jogos sendo todos como titular.

Eu estou feliz em poder estender esse vínculo com um clube que é um dos maiores não só do nordeste, mas do Brasil. Eu espero continuar trabalhando e correspondendo dentro de campo. Aproveito para desejar um feliz ano novo a todos os alvinegros”, afirmou Everson.

Categorias
Deu Zebra

Novidade no Leão: atacante Pedro Júnior chega ao Pici

O Leão segue se reforçando para 2019 e, pouco antes da virada do ano, oficializa a contratação do atacante Pedro Júnior. O anúncio foi feito nesta segunda-feira, 31, pelo site oficial do clube.

O atacante de 31 anos, 1,82 cm, destro, natural de Santana do Araguaia (PA), estava atuando pelo Wuhan Zall da China. Além do clube chinês, atuou pelo Kashima Antlers, do Japão, sendo destaque nas temporadas 2017/18.

O atleta ainda jogou pelo Grêmio, Cruzeiro, São Caetano, Sport, teve mais duas passagens pelo Vila Nova, mas marcou época mesmo no futebol japonês. Conquistou, recentemente, com o Wuhan Zall, o troféu da segunda divisão do futebol chinês.

Ficha técnica:

Nome: Pedro Bispo Moreira Jr.
Data: 29/01/1987
Idade: 31 anos
Nascimento: Santana do Araguaia(PA)
Altura: 1,82 cm
Clubes: Cruzeiro, São Caetano, Sport, Vila Nova, Grêmio, Gamba Osaka (Japão), Visel Kobe (Japão), Kashima Antlers (Japao) e Wuhan Zall (China).

Categorias
Esporte Deu Zebra

Felipe Baxola retorna ao Vozão para 2019 e Luiz Otávio permanece

Depois de muito o que falar, o Ceará acertou, nesta segunda-feira, 31, o retorno do meia Felipe Baxola. A torcida já vinha pedindo a volta do atleta, que teve boa passagem pelo alvinegro.

Além do retorno do meia, o zagueirão Luiz Otávio teve o seu vínculo estendido até 2021. O zagueiro, de 30 anos, com a camisa alvinegra conquistou dois títulos estaduais (2017-2018), um acesso à Série A (2017) e a permanência na 1ª divisão do Campeonato Brasileiro (2018).

O defensor tem 97 jogos pelo Vozão sendo 95 como titular e dois saindo do banco de reservas

Já Baxola, esteve no Vozão em 2016 e vestiu a camisa alvinegra por 38 vezes, 35 como titular e três saindo do banco de reservas. Com Felipe, são 18 reforços para a temporada de 2019, sendo dez contratações e nove renovações.

A expectativa de vestir a camisa do Vozão novamente é enorme. Eu fui muito feliz nesse clube, na minha primeira passagem. O sentimento é de quem retorna para casa. Desejo que 2019 seja um ano de vitórias e que essa torcida maravilhosa possa comemorar muitas conquistas porque é o que ela merece“, afirmou o meia.

Felipe de Oliveira Silva
Apelido: Felipe Baxola
Posição: Meia
Data de Nascimento: 28/05/1990
Naturalidade: Piracicaba/SP
Peso: 76kg
Clubes: Rio Branco/SP, Palmeiras/SP, Bahia/BA, Olaria/RJ, Guarani/SP, Mogi Mirim/SP, Atlético/PR, Figueirense/SC, Ponte Preta/SP, Sanfrecce Hiroshima/Japão

Categorias
Esporte Deu Zebra

Já saiu! Saiba os horários e locais do seu time no Campeonato Cearense

A tabela do Campeonato Cearense de 2019 já pode ser acessada! A Diretoria de Competições da Federação Cearense de Futebol (FCF) divulgou a tabela da competição nessa quarta-feira, 26, e apresentou a distribuição dos jogos, com, apenas, as partidas programadas em cada rodada.

A primeira fase do certame, que começa em 5 de janeiro e será concluída no dia 30, não contará com Ceará e Fortaleza que só entram na fase seguinte. 

Sem os canais Esporte Interativo, os jogos estarão apenas na tela das emissoras do Sistema Verdes Mares: a TV Diário e a TV Verdes Mares (afiliada Globo), que mostrará apenas uma partida da etapa inicial do certame.

Tabela completa!