Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Em entrevista no meu programa da GloboNews, o senador Tasso Jereissati disse que teria votado pela aceitação da denúncia contra Michel Temer se fosse deputado. Na votação, a bancada rachou quase ao meio. Mas o presidente interino do PSDB negou que o partido esteja dividido. O tema da votação, diz Tasso, não era programático; a bancada foi liberada e o líder encaminhou sua posição. O senador explicou que é a favor de toda a investigação “até para ter coerência com o que fizemos no governo Dilma”.

Com informação da colunista Míriam Leitão